Segunda-feira, 2 de Julho de 2007

Crítica: "Shrek 3"

 Classificação:  (7.5/10)

 

 

"Shrek o Terceiro"... agora só lhe falta mesmo ser Presidente do F.C.P.


Num Verão carregado de sequelas e trilogias, Shrek é sem dúvida uma lufada de ar fresco. Apesar de não alcançar a originalidade e a imprevisibilidade do primeiro (assumidamente uma história nunca antes vista), este terceiro, ainda assim, consegue ser uma boa surpresa. A história é interessante e encerra momentos de antologia, como a magnifica sequência da morte do rei Harold e a troca de identidades entre o Burro e o Gato das Botas (cada vez mais hilariantes).


Do ponto vista técnico, este género de filmes está cada vez mais perfeito, independentemente da perspectiva em que os observemos. Movimentos, expressões, gestos e atitudes são cada vez mais reais e continuam a deixar-me absolutamente boquiaberto.


Quanto à história de Shrek é como disse anteriormente, apesar de não trazer nada de novo, retoma alguma da magia, da irreverência e da espontaneidade do primeiro e o aparecimento de personagens como o Merlin ajudam a isso. Apesar desta naturalidade, denoto uma certa ligeireza no argumento. A tendência actual dos filmes de animação já não é só divertir por divertir, introduzem uma componente de moral nas suas histórias, através da referência a grandes tópicos da nossa vida social e não só. Deixam, assim, de ser menos direccionados para crianças e cada vez mais para adultos.

 

Fiquei com a sensação que Shrek O Terceiro, apesar de tocar em alguns desses problemas, não os explorou tão aprofundadamente como fez nos seus antecessores. Por outro lado é muito interessante perceber o desenvolvimento emocional das personagens. No primeiro Shrek conhecíamos um ogre, feliz com a vida, sem grandes preocupações nem chatices. Neste terceiro é notável a maturidade da personagem principal - marido preocupado e dedicado, onde se denota a mesma jovialidade do primeiro, mas que ao mesmo tempo se funde com uma enorme responsabilidade para com os seus. Este desenvolvimento é igualmente visível na personagem de Fiona, cada vez mais uma verdadeira rainha. O Burro… vai ser sempre o Burro, irrequieto e maluco de todo (Eddie Murphy é fantástico na sua caracterização) e continuará a ser o elemento verdadeiramente cómico; também evolui, mas é o que ainda assim guarda de forma mais clara toda a originalidade vista no primeiro.


O humor ganha também uma nova vida nesta sequela. As piadas estão bem conseguidas, sempre com o timing certo, pelo menos na versão original. É como disse, um filme repleto de descontracção e boa-disposição que acabam por nos contagiar.


Um aparte. Acho que é das primeiras vezes que o Dolce Vita, o de Coimbra, (nos outros confesso que não pesquisei), tem disponível em cartaz as duas versões do filme. Se sou muito crítico a, normalmente, só terem a portuguesa em exibição, também tenho que reconhecer que desta vez prestaram um bom serviço aos seus clientes. Espero que seja para continuar.


O Melhor: A originalidade e imprevisibilidade de algumas sequências. Uma lufada de ar fresco na série que, pelo que ouvi, é para continuar.


O Pior: Falta alguma maturidade ao argumento. Ainda que isso possa ser o pretendido, parece-me que a grande maioria deste tipo de filmes, ambiciona ser mais, do que um simples filme para crianças.

publicado por OlharCrítico às 11:32
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim

pesquisar

Julho 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

tags

todas as tags

posts recentes

Férias… Palavras para quê...

Excelência nas editoras?!...

Onde pára a Originalidade...

Crítica: "Transformers 2:...

Nunca um ADEUS mas sim um...

O TERROR, o drama, a emoç...

Novos posters de "Sherloc...

Trailer (do caraças) de "...

Futebóis

Crítica: "Terminator Salv...

"Iron Man 2": 1ª foto de ...

Trailer de "500 Days of S...

Crítica: "Six Feet Under"

Venha daí o CLICHÉ pois e...

Sam Worthington em "Clash...

Ora digam lá, o que é mai...

David Carradine (1936-200...

Teaser de "[REC-2]"

E Viva lá TV!!

Livros e Cinema (serão as...

arquivos

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

links

votações

Melhor Bond...James Bond

Melhor Serial Killer

Melhor Filme de Natal

Melhor Filme de Super-Heróis

Melhor Actor Secundário

Melhor Filme Romântico

Melhor Série de TV actual

Melhor Transformação Física

Melhor Dupla de Cinema

Actor de TV mais sexy

Actriz de TV mais sexy

Melhor Monstro

Melhor Blockbuster

Melhor Actor Actual de Acção

Melhor Temporada do 24

Melhor Filme de Quentin Tarantino

Expectativas para o The Dark Knight

Melhor Filme de Steven Spielberg

subscrever feeds