Quarta-feira, 22 de Outubro de 2008

Crítica "Burn After Reading"

 Classificação:  (7.5/10)

 

Depois do sucesso de “No Country For Old Men” os irmãos Coen voltam a trazer-nos um filme mais na sua linha, se assim se pode chamar. A história, essa só mesmo vê-la porque contada ninguém iria acreditar e ao fim de alguns minutos iria perceber-se que seria praticamente impossível contá-la. Com tamanhas reviravoltas e mal entendidos só poderia mesmo dar numa “comédia” com uma grande dose de humor negro e uma imensa capacidade de nos auto-criticarmos. Este tom “cómico” é muito bem gerido pelos realizadores e vai crescendo com o desenrolar da narrativa, tocando por vezes em aspectos mais sérios, que acabam por deixar o espectador sem saber bem como reagir. A paranóia que se vive à volta da vigilância que todos sofremos, e o diálogo no final do filme são simplesmente fabulosos expondo todo o conceito existente na película. A realização é muito segura e eficaz, conseguindo implementar um ritmo bastante coeso e fluido. A somar a isto, o facto de as transições entre planos e sequências serem feitas de forma bastante simples, recorrendo preferencialmente ao corte ao invés de grandes e trabalhadas transições, que acabam por resultar em pleno. Às vezes a simplicidade é mesmo o que melhor funciona. O elenco fala por si só, e já todos conhecemos as suas capacidades.


É um filme interessante e que dá muito prazer ver. Todavia não passa disso mesmo. Não marca, nem o pretende fazer, comporta-se mais como um elemento de descompressão. E talvez por isso não satisfaça muitos. Porém e na minha opinião, trata-se de um filme a ver.


O MELHOR: A sequência final do filme. Soberba.


O PIOR: Falta-lhe algum “sumo” para ser uma obra verdadeiramente marcante.
 

tags:
publicado por OlharCrítico às 20:50
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim

pesquisar

Julho 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

tags

todas as tags

posts recentes

Férias… Palavras para quê...

Excelência nas editoras?!...

Onde pára a Originalidade...

Crítica: "Transformers 2:...

Nunca um ADEUS mas sim um...

O TERROR, o drama, a emoç...

Novos posters de "Sherloc...

Trailer (do caraças) de "...

Futebóis

Crítica: "Terminator Salv...

"Iron Man 2": 1ª foto de ...

Trailer de "500 Days of S...

Crítica: "Six Feet Under"

Venha daí o CLICHÉ pois e...

Sam Worthington em "Clash...

Ora digam lá, o que é mai...

David Carradine (1936-200...

Teaser de "[REC-2]"

E Viva lá TV!!

Livros e Cinema (serão as...

arquivos

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

links

votações

Melhor Bond...James Bond

Melhor Serial Killer

Melhor Filme de Natal

Melhor Filme de Super-Heróis

Melhor Actor Secundário

Melhor Filme Romântico

Melhor Série de TV actual

Melhor Transformação Física

Melhor Dupla de Cinema

Actor de TV mais sexy

Actriz de TV mais sexy

Melhor Monstro

Melhor Blockbuster

Melhor Actor Actual de Acção

Melhor Temporada do 24

Melhor Filme de Quentin Tarantino

Expectativas para o The Dark Knight

Melhor Filme de Steven Spielberg

subscrever feeds